agosto 21, 2009
Hambug

Hambug

Os macacos do artico em seu novo cd Hambug ( que já misteriosamente vazou pela internet) mostram uma significativa evolução. Ao longo das 10 faixas a banda mostra uma maior maturidade, um som mais denso e pesado, que causa um pouco de choque à primeira instância.
Apesar dos vocais reverberados e típicos riffs que caracterizam os garatos de Sheffield, a diferença de sonoridade comparada aos dois primeiros cds é significativa. Produzido por Josh Homme, líder do QotSA, Hambug mostra uma evolução que pode não ser vista com bons olhos por tradicionais fans. As músicas estão mais lentas, densas, com letras mais maduras e uma sonoridade digamos, obscura.
Para quem está acostumado com Mardy Bums ou Adolecentes Fluorescentes e músicas energéticas, rápidas e felizes, é melhor nem ouvir Hambug. Mas quem ainda não conhece a banda ( é , talvez você estivesse isolado em um templo tibetano pelos últimos 5 anos) ou tem ouvidos abertos à novas experiências ou com disposição para encarar os arctic (dark) monkeys, é só procurar o cd em qualquer rede de compartilhamento e baixá-lo.

Anúncios

agosto 14, 2009

Virgens Suicidas

Virgens Suicidas


As virgens suicidas é o filme de estréia de Sofia Coppola como diretora,foi lançado em 2000 e é baseado em um livro de Jeffrey Eugenides.

Mostra a história de 5 garotas, as irmãs Libbon que se mataram na década de 70 por razões nunca muito bem explicitadas. A história é contada sob o ponto de vista de um grupo de garotos que eram vizinhos das Libbon na infância, que nos contam a história vários anos depois, já na vida adulta, tentando entender o mistério que cercava os suicídios.
Eles não chegam a nenhuma conclusão, e nós também não. O objetivo de Sofia é nos deixar tão confusos quanto eles, e ela faz esse trabalho de uma forma melancolicamente doce.

A fotografia do filme é belíssima e a trilha sonora composta pelo duo frances de música eletrônica Air é um deleite à parte, produzindo uma atmosfera única na película. Para quem ainda não conhece o trabalho de Sofia como diretora, após tentativas fracassadas como atora, o filme é uma ótima opção.

Ta ta ta ta ta Ratatat!

agosto 13, 2009

O Ratatat é um duo de ” electro glam psychodelic hard crazy rock core ” americano, composto por Mike Stroud e Evan Mast. Munidos de um sintetizador, uma guitarra, um baixo e muita imaginação, esse duo nova iorquino formado em 2001, e com 5 álbuns lançados ( sendo 2 formados inteiramente de remixes de músicas de rap) vem renovando a cena eletrônica mundial, com suas músicas basicamente instrumentais com uma ou outra incursão de vocal.

Com um som minimalista, algumas vezes repetitivo mas nunca cansativo, esses 2 loucos vêm conseguindo conquistar o seu espaço na cena músical pouco a pouco. Apesar de não serem artistas de grande visibilidade ente o público, você provavelmente já ouviu alguma música deles em filmes como Cloverfield ou Nick and Norah.

Estão em estúdio gravando o seu novo trabalho entitulado LP4, e até hoje não nos deram o prazer de um show em terras brasileñas. Para quem quiser conhecer, vale a pena começar pelo Classics, o terceiro trabalho deles, lançado em 2006 pela Xl Recordings. Abaixo segue o vídeo de Lex, uma das melhores músicas desse Cd.

Wtf is that?

agosto 11, 2009

O beirut não é muito bem uma banda. Banda no seu conceito clássico, com uma ou duas guitarras, um baixo, uma bateria , um vocalista e um teclado para firulas afins. Ao invés disso temos uma profusão de instrumentos desconhecidos, metais, cordas ,percussões e um vocal de dar inveja à metade do mundo.

Mas mesmo se afastando do tradicional, não se afastam do pop. Pelo contrário, o som indescrítivel e com influências clássicas e de música mediterrânea é deliciosamente pop. Com o seu último EP ,The Flying Club Cup a trupe vem dando o que falar no cenário underground musical.

A divulgação se deu praticamente por meios virtuais, inclusive com a gravação de vídeos ao vivo de todas as músicas do CD ao ar livre, em cafés, em um apartamento, ao lado de um rio, em lugares bastante inusitados que harmonizam perfeitamente com a música e sua proposta.

Mesmo que você esteja acostumado com músicas de 3 minutos, riffs distorcidos e batidas rápidas, dar uma chance ao Beirut é uma experiência no mínimo prazerosa. E quem puder conferir pessoalmente, eles estarão por terras tupiniquins, com um show marcado para 8 de setembro em São Paulo.

Ah, mais um blog de música ?

agosto 10, 2009

“Ah, mas eu já estou cansado desses blogs que insistem em falar das mesmas bandas, da mesma maneira com as mesmas palavras.”
Então, um frustrado estudante de direito, meio desacreditado da sua vida, decide iniciar esse blog durante uma tediosa manhã na faculdade. Talvez porque a cultura pop atraia ele mais do que o direito do trabalho e a música underground mais que a prescrição no novo código civil.
Escritor frustado, levemente viciado em álcool e pseudo intelectual, este que lhes fala tentará levar à vocês Lá Crème do mundo pop.
Então…
Hey Ho
Let’s go!